Passar para o Conteúdo Principal Top
logótipo CMV
Perguntas Frequentes   Facebook Twitter Instagram Flickr Youtube ISSUU RSS feed
 

Recolha seletiva porta-a-porta arranca com projeto pioneiro

Notícias
Recolha seletiva porta-a-porta arranca com projeto pioneiro
20 Setembro 2016

O Município de Valongo está a implementar um projeto-piloto de recolha seletiva porta-a-porta, na Quinta da Lousa, em Valongo, e no Lombelho, em Alfena, onde numa primeira fase serão distribuídos contentores individuais para papel/cartão, vidro, plástico/metal e indiferenciados. Numa segunda fase será implementada a recolha seletiva de resíduos orgânicos.
A recolha seletiva porta-a-porta de resíduos para reciclagem é uma das medidas com maior impacto previstas no PAPERSU - Valongo (Plano de Ação para obtenção das metas previstas no PERSU 2020 - Plano Estratégico para os Resíduos Urbanos). Valongo é o primeiro município do universo Lipor a avançar com esta medida no âmbito dos PAPERSU.
O Presidente da Câmara Municipal de Valongo, José Manuel Ribeiro, assinalou o arranque do projeto nas moradias da Quinta da Lousa, onde o projeto está a começar a ser implementado em mais de 600 casas, em parceria com a Lipor e a Rede Ambiente.
"Apelo a que separem ao máximo. Este investimento é determinante", frisou o autarca, lembrando que a queima do lixo indiferenciado é um processo muito caro, cujo custo acabará por ser repercutido nas faturas pagas pelos munícipes, caso não se proceda a uma mudança de comportamentos que passa pela valorização dos resíduos multimateriais.
Além da implementação da recolha seletiva de resíduos porta-a-porta, o plano de ação para Valongo atingir as metas do PERSU 2020 inclui o alargamento da compostagem caseira e das hortas comunitárias, e também ações de sensibilização para a população.